PONTO DE CULTURA

  • Início > PONTO DE CULTURA
  • pontodecultura-logo

    + O PROJETO
    + QUADRILHA DE BONECÕES
    + MARACATU COROA DE OURO

    O GAMT integrou a Rede de Pontos de Cultura do Estado de São Paulo instituída por meio da Resolução nº 31 de 15 de Maio de 2009.

    A União/Ministério da Cultura e o Estado de São Paulo/Secretaria de Cultura tem como instrumento o Convênio nº 701333/2008 de 30 de dezembro de 2008, publicado no D.O.U de 31 de dezembro de 2008.

    O convênio entre a SEC e o MinC foi prorrogado até 01/04/2014, publicado no D.O.U em 26/12/2012.

    Com repasse de recursos financeiros do Programa Mais Cultura – Pontos de Cultura, o GAMT  desenvolveu uma programação cultural nas áreas de Culturas Populares, Patrimônio Material, Audiovisual  e  Expressões Artísticas nos anos de 2010,2011,2012 e 2013.

    O encerramento do convênio entre o GAMT e MinC e SEC aconteceu em  Dez/2013

    A quadrilha, que estreou no ano de 2010 durante  da 25ª Festa Junina, chama a atenção do público pelo colorido dos bonecões e seus movimentos de mãos.

    O grupo reúne 12 bonecos e se apresenta ao som de música ao vivo, com sanfona, zabumba, triângulo e sax, com uma trilha composto pelo autêntico forró.

    Em cena, os bonecões repetem todos os passos da coreografia de uma quadrilha convencional. Personagens como o padre, a noiva e o noivo estão presentes no roteiro do espetáculo.

    Entre os personagens da quadrilha, quem mais encanta a platéia esta o padre, sempre o primeiro a se misturar com o público. O padre é hilário quando foge do casamento, com o noivo fugindo logo atrás.

    A apresentação da Quadrilha de Bonecões, com uma apresentação bem tradicional e ao mesmo tempo cômica, vem arrancando risadas do todo o público e interagindo com ele em todas as apresentações já realizadas.

    florquadrilhadebonecoes-u2282

    256521_532069923484658_1315742079_o foto1

    foto2 foto3

    foto4 foto5

    foto6 foto7

    Maracatu é uma manifestação Cultural da música folclórica pernambucana afro-brasileira. É formada por uma percussão que acompanha um cortejo real. Como a maioria das manifestações populares do Brasil é uma mistura das Culturas indígenas, africanas e européia, surgiu em meados do sec.XVII e foi criada para formar uma crítica as cortes portuguesas.

    Os Maracatus mais antigos do carnaval do Recife, também conhecidos como Maracatu de Baque virado ou Maracatu Nação, nasceram da tradição do rei do Congo implantado no Brasil por portugueses. O mais remoto registro sobre maracatu data de 1711, de Olinda, e fala de uma instituição que compreendia um setor administrativo e outro festivo com teatro, música e dança.    A parte falada foi sendo eliminada lentamente, resultando em música e danças próprias para homenagear a coroação do rei: O Maracatu.

    Parece que e a palavra Maracatu primeiro designou um instrumento de percussão e só depois a dança realizado ao som desses instrumentos. Os cronistas portugueses chamavam aos “infiéis” de nação, nome que acabou sendo assumido pelo colonizado. Os próprios negros passaram a auto determinar de nações seus agrupamentos tribais. As nações sobreviventes descendem de organizações de negros deste tipo, e nos seus estandartes escrevem (Clube Carnavalesco Misto Maracatu). No entanto, sua origem e história não é certa, pois alguns autores ressaltam que o Maracatu nasceu dos terreiros de candomblé, quando os escravos reconstituíram a coroação dos reis do Congo. Com o advento da abolição, este ritual ganhou as ruas tornando-se um folguedo carnavalesco e folclórico.

    Dentro do contexto do histórico apresentado, criarmos um grupo de Maracatu Coroa de Ouro, que tem em seu cortejo constituído por: 1(pss) porta estandarte, 2(pss) damas de paço, 1 rei(bonecão), 1 rainha(bonecão), 1 escravo (bonecão), 2 escravas (bonecões), Bateria- 8 alfaias , 2 caixas, 4 ganzás, 2 conque, 4 ab, 4 bonecões na bateria, 5 baianas totalizando um total de 33 pessoas, sendo 9 bonecões gigantes, que tem sua origem na Europa .

    textomaracatu

     maracatucoroadeouro-u4473portabandeiradomaracatu

    7705_571678379523812_1004275916_n 8288_571679572857026_680309715_n

    60589_571683749523275_977767806_n 65250_571682732856710_1723483281_n

    163545_571679332857050_17417154_n 529141_571682919523358_1442241058_n

    531819_574825342542449_822673410_n 539149_571682402856743_1034857956_n

    539846_574825092542474_1266399975_n 543740_574824835875833_1184060819_n

    544627_571679962856987_1943645720_n 558850_574823455875971_579136214_n

    564124_574826395875677_816779892_n dsc_0055

    dsc_0064 dsc_0151

    dsc_0168 dsc_0677

    Patrocínio:

    Rua Nações Unidas, 250 - Vila São João Caçapava/SP

    (12) 3652 8015

    Desenvolvido por Loud Design